Masturbatório (dança)

Postado em 12 de novembro de 2014
10534150_10152602156197248_4462671286320399983_n

Foto: Mayra Lins

MASTURBATÓRIO materializa um desejo possível, de/por si e em direção ao outro. Explora as descontinuidades do prazer, propondo uma dramaturgia anti-clímax, mais interessada na busca e na iminência, que na conclusão e no ápice. William Gomes investiga o corpo, pensando masturbação como ideia e mote de movimentação. O corpo desliza, escorre e se debate, ressignificando os prazeres, o gozo, as pequenas mortes. Uma pulsão que dança para algo que se move e se comove. MASTURBATÓRIO também se coloca como um laboratório sexual para auto-estímulos: um observatório; um lugar de voyeurismo, que funde experimentador e experimento.

O solo MASTURBATÓRIO de William Gomes é uma das resultantes do projeto Proliferações, contemplado com o edital Setorial de Dança 2013 da Secretaria de Cultura do Governo do Estado da Bahia. O trabalho foi pensado a partir da investigação das ideias de solidão, confinamento e autossubsistência, proliferando ações, estados e estímulos a partir do corpo em contato com objetos, superfícies, texturas e do encontro com o outro, em duas residências artísticas conduzidas pelos colaboradores Isaura Tupiniquim e Márcio Nonato. A direção e dramaturgia ficou a cargo de Paula Lice e a direção de arte é assinada por Mayra Lins.

FICHA TÉCNICA

Criação e Performance: William Gomes

Colaboração artística: Isaura Tupiniquim e Márcio Nonato

Direção e Dramaturgia: Paula Lice

Direção de Arte: Mayra Lins

Direção Musical: João Milet Meirelles

Desenho de Luz: Ferna Almeida

Coordenação de Produção: Lucas Valentim

Fotos de divulgação: Mayra Lins

Classificação: 16 anos

Duração: @ 50 min.

Compartilhe: