Arquivo da tag: Soltos

Desunhas

Postado em 31 de janeiro de 2012

É como tentar condensar muitos sapos aflitos dentro de um fifó.

(no timing)

Tags:
Compartilhe:

Canção

Postado em 15 de janeiro de 2012

Dentro do carro, sobre o trevo, a cem por hora, ó meu amor.

(paralelas, over and over again)

Tags:
Compartilhe:

Rubem Fonseca

Postado em 8 de dezembro de 2011

O escritor do coração lança dois livros novos. Escreve mais rápido do que eu consigo ler. Acumulo volumes antigos, comprados e não lidos. Vou acompanhando os lançamentos. Ainda estou me adaptando ao telhado da casa. A tudo que vem com ele. É vento de cima, muita luz de manhã e farelos da noite na coberta. De repente, o olho começa a piscar. Tempo. Mas hoje, é só ele na vitrola aqui dentro.

Tags:
Compartilhe: